Covid-19: Terceira morte pela variante delta é registrada na Bahia, diz Sesab

Além disso, análises da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) apontaram mais 55 amostras da variante delta no estado. Com estes novos registros, a Bahia tem ao todo 190 casos.

Foto: Divulgação

Terceira morte pela variante delta da Covid-19 é registrada na Bahia, segundo informações confirmadas pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), nesta quinta-feira (21).

A primeira morte aconteceu em Salvador e foi confirmada no dia 27 de agosto. Já a segunda, ocorreu em Senhor do Bonfim, no norte do estado, e foi confirmada no dia 20 de setembro.

Ainda nesta quinta-feira, a Sesab informou que análises da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) apontaram mais 55 amostras da variante delta no estado. Com estes novos registros, a Bahia tem ao todo 190 casos da variante sequenciadas.

Os casos positivos para a variante delta foram identificados em 47 municípios, com maior número de casos em Salvador (39), Pé de Serra (19), Lauro de Freitas (12), Bonito (11), Feira de Santana (9), Baixa Grande (7), Riachão do Jacuípe (7) Ilhéus (7), Camaçari (6) e Nova Fátima (6).

Conforme a Sesab, os quatro primeiros casos da variante delta foram identificados em residentes dos municípios de Feira de Santana, Vereda e Prado, além de um tripulante de um navio ancorado em Salvador.

A secretária estadual da Saúde, Tereza Paim, disse que a situação preocupa e afirmou que é necessário continuar fazendo uso de máscara, além de reforçar a importância da vacinação.

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) também tem feito sequenciamento no estado. De acordo com a diretora geral do Lacen-BA, Arabela Leal, o laboratório está concentrando atenção nas amostras provenientes de municípios com aumento do percentual de casos.

O Lacen-BA analisou amostras de mais de 200 municípios dos nove Núcleos Regionais de Saúde.

Informações G1

Compartilhe

Deixe seu comentário