TJD-BA decide punir Flu de Feira por atletas irregulares em estaduais da base; cabe recurso

A punição prevê a perda de seis pontos do Touro do Sertão nos estaduais - o que causaria eliminação - e uma multa de R$ 2 mil.

Foto: Samuel Sampaio

O Tribunal de Justiça Desportiva da Bahia (TJD-BA) decidiu punir o Fluminense de Feira por escalar atletas irregulares nos Campeonatos Baianos sub-15 e sub-17. A punição prevê a perda de seis pontos do Touro do Sertão nos estaduais - o que causaria eliminação - e uma multa de R$ 2 mil. Contudo, o clube terá três dias para apresentar recurso e tentar reverter a pena. 

Caso não consiga, o Flu de Feira dará lugar ao Camaçariense nas quartas de final do sub-15, e ao Olímpia no sub-17. O problema teria ocorrido logo na primeira rodada de cada competição, nos duelos contra a ABB, disputados no dia 25 de setembro. Jogadores que só foram registrados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF e na Federação Bahiana de Futebol (FBF) no dia 29 de setembro teriam atuado nestas partidas.

O BN entrou em contato com o Touro do Sertão, que informou que o presidente do clube, Ícaro Ivvin, deve se pronunciar em breve sobre o caso. 

No sub-15, o Fluminense ficou com a terceira colocação do grupo A, ao conquistar sete pontos, e faria o clássico contra o Bahia de Feira nas quartas de final. Já no sub-17, os seis pontos conquistados renderam ao clube a quarta colocação. O adversário da fase seguinte seria o Jacuipense. 

Informações Bahia Notícias

Compartilhe

Deixe seu comentário