Pesquisa eleitoral aponta novo empate técnico entre Colbert e Zé Neto em Feira

De acordo com os números, em um cenário estimulado, os candidatos estão tecnicamente empatados com Colbert Martins com 31% e Neto 29,8%. Outro empate é apontado no terceiro lugar entre Carlos Geilson (Podemos) e a Professora Dayane Pimentel (PSL).

Foto: Arquivo Pessoal

Pesquisa eleitoral realizada pelo Instituto Paraná aponta novo empate técnico entre o prefeito de Feira de Santana e candidato à reeleição, Colbert Martins (MDB), e Zé Neto (PT) na disputa municipal.

De acordo com os números, em um cenário estimulado, os candidatos estão tecnicamente empatados com Colbert Martins com 31% e Neto 29,8%. Outro empate é apontado no terceiro lugar entre Carlos Geilson (Podemos) e a Professora Dayane Pimentel (PSL): o primeiro com 7,6% e a parlamentar com 7%. Cenário que apresenta indefinições sobre os ocupantes do primeiro e terceiro lugares, mas indica realização de segundo turno.

Em seguida, o levantamento traz José de Arimateia (Republicanos) em quinto, com 3%; seguido por Carlos Medeiros (Novo), com 1,9%, e Beto Tourinho (PSB), com 1,1%. A seguir aparece Orlando Andrade (PCO), com 0,9%. Já Marcela Prest (PSOL) e Rei Nelsinho (PRTB), que renunciou a disputa, têm 0,5% das intenções de voto. Os votos brancos e nulos são 11,5% e 5,3% dos eleitores não sabem ou não responderam.

Já no cenário espontâneo, a liderança é de Colbert Martins, com 22,6%. O petista Zé Neto vem em seguida com 17%. A Professora Dayane Pimentel e Carlos Geilson surgem com 2,5% e 1,5%. Carlos Medeiros tem 1% e José de Arimateia 0,9%. Outros candidatos somados correspondem a 0,8% dos votos. O percentual de eleitores que não sabem em quem votar é 41,8%; 12% afirmam que não votarão em ninguém.

No quesito rejeição, o candidato Zé Neto lidera, com 29,9%. O segundo mais rejeitado é Colbert Martins, com 25%. Carlos Geilson tem 13,3% e Professora Dayane Pimentel 13%. A deputada federal é a que tem a menor rejeição entre os quatro primeiros colocados na pesquisa estimulada e espontânea.

Ainda no cenário de rejeição, José de Arimateia tem 10,1%. A seguir, vêm Beto Tourinho (9,6%), Marcela Prest (7,1%), Orlando Andrade (6%) e Carlos Medeiros (5,9%). Os que não sabem ou não responderam somam 16% e 7,8% afirmaram que poderiam votar em todos.

A pesquisa do Instituto Paraná ouviu 800 eleitores entre os dias 22 e 27 de outubro, tem margem de erro de 3,5%, confiança de 95% e está registrada no TSE sob o número BA-02422/2020.


Informações Informe Baiano 

Compartilhe

Deixe seu comentário