Caixa libera saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial e FGTS neste sábado

Serão liberados saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial para trabalhadores nascidos até junho; e do crédito do FGTS para nascidos até março.

Foto: Divulgação

A Caixa Econômica Federal (CEF) libera neste sábado (22) saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial e do saque emergencial de até R$ 1.045 do FGTS. Para fazer o pagamento desses valores, 770 agências estarão abertas das 8h às 12h. Clique aqui para ver a lista de agências.

Serão liberados neste sábado saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial para 3,9 milhões de beneficiários do programa nascidos em junho e que estão nos lotes 1 a 6, que tiveram o dinheiro creditado em poupança social digital no último dia 7 de agosto.

Também terão saques e transferências liberados os trabalhadores nascidos em março, que tiveram o depósito de até R$ 1.045 do FGTS feito em poupança social digital do banco no último dia 13 de julho.

Todos já podiam usar os recursos para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual.

VEJA QUEM PODE SACAR A PARTIR DESTE SÁBADO:

AUXÍLIO EMERGENCIAL

Trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, poderão sacar ou transferir:

Nascidos em junho:
- aprovados no primeiro lote poderão sacar a terceira e a quarta parcelas;
- aprovados no segundo lote poderão sacar a segunda e a terceira parcelas;
- aprovados no terceiro e quarto lotes poderão sacar a segunda parcela;
- aprovados no quinto lote poderão sacar a primeira parcela
- aprovados no sexto lote poderão sacar a primeira parcela
- aprovados no primeiro lote, mas que tiveram o benefício suspenso, poderão sacar a terceira e quarta parcelas
Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

SAQUE EMERGENCIAL DO FGTS

Poderão sacar ou transferir:

Trabalhadores nascidos em março que tiveram o crédito do valor em poupança social digital



Informações G1

Compartilhe

Deixe seu comentário