Banalizaram

Foto: Divulgação

As lives são os “novos shows” desse tempo de pandemia. Salvo engano, tudo começou com uma grande live do cantor Gusttavo Lima, que bateu recorde de visualizações no Youtube, e a partir daí, vários artistas passaram a organizar shows transmitidos pela internet, em “live”, para entreter seus fãs. E funcionou muito bem, tendo um público muito bom, até banalizar.

Agora, todo mundo foi na onda das lives e a quantidade de shows transmitidos pela internet cresceu tanto, que banalizou. Todo e qualquer artista tem a sua própria live, e o público, ao que parece, não tem se interessado como antes. Prova disso é o fato de que os recordes de visualizações que foram estabelecidos logo no começo da moda das lives, não voltaram a ser atingidos.

É fato que esses shows transmitidos pela internet é uma alternativa de entretenimento interessante e é praticamente a única, nesse momento de pandemia, pelo menos para o mercado de show business. Mas para continuar atraindo o público, vai ser necessário usar mais a criatividade, para não ficar tudo no “mais do mesmo”.

Compartilhe

Deixe seu comentário