JUSTIÇA DESFAZ DECISÃO DO GOVERNADOR DO RIO DE JANEIRO

Foto: Divulgação

O impasse do estado do Rio de Janeiro foi resolvido pela justiça. O governador Wilson Witzel determinou o funcionamento de shoppings, ambulantes e comércio em geral com metade da jornada e distanciamento social em estabelecimentos, mantido fechamento de cinemas, casas de espetáculos, salões de beleza e afins, deixando o prefeito Marcelo Crivela mais confortável, porque ele afirmou que não iria atrelar o município às decisões do governo daquele estado, ou seja, não cumpriria as ordens do palácio Guanabara, que segundo Crivela poderiam valer para outros municípios, mas não para a cidade do Rio de Janeiro, à qual ele é o prefeito e por isso não flexibilizaria. Finalmente na tarde desta segunda-feira, a Justiça carioca determinou a suspensão das liberalidades do governador Wilson Witzel e com isso Crivela não precisou  enfrentar a “quebra de braço”, porque o poder judiciário cassou o decreto do governador, que indiretamente foi vitória do prefeito da cidade maravilhosa. 

Compartilhe

Deixe seu comentário