PRORROGAÇÃO DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

Foto: Divulgação

O governo planeja mandar para o congresso nacional, proposta de prorrogação da ajuda emergencial para mais duas parcelas de R$ 300,00 (trezentos reais), uma vez que as verbas emergenciais ora deferidas em três parcelas de seiscentos reais se encerram no próximo mês. Possivelmente, os parlamentares, a exemplo da proposta anterior, deverão propor e aprovar um valor maior. Acredita-se que poderá ficar entre quatrocentos e quinhentos reais, porque as previsões da extinção da pandemia em nosso país, há muito tempo “foram para o espaço”, porquanto os cientistas acreditam que o pico da pandemia no Brasil,  provavelmente só ocorrerá no final deste mês de junho, quando,  possivelmente iniciará a descida da curva de contaminação e recuperação da covid-19. O governo sabe que as populações pobres poderão ir ao desespero e provocar saques se não tiverem ajuda emergencial por mais tempo e sem ela seria um desastre político para o governo e  para a economia do país. Então, é melhor prevenir do que remediar.

Compartilhe

Deixe seu comentário