A partir de sábado, ambulantes receberão chaves dos boxes do Shopping Popular

O secretário de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico de Feira de Santana, Antônio Carlos Borges Júnior, esteve no programa Bom Dia Feira (Princesa Fm) na manhã desta quinta-feira (13) e falou sobre execução desta etapa.

Foto: Divulgação

A partir do próximo sábado (15), cerca de mil vendedores ambulantes que já assinaram contratos do Shopping Cidade das Compras, o Shopping Popular, estarão recebendo as chaves dos boxes.

A entrega, que acontece também na segunda-feira (17) e terça-feira (18), acontecerá com cronograma específico de horários e categorias.

O secretário de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico de Feira de Santana, Antônio Carlos Borges Júnior, esteve no programa Bom Dia Feira (Princesa Fm) na manhã desta quinta-feira (13) e falou sobre execução desta etapa.

"É um sonho dar a cidade um equipamento que terá conforto, segurança, estacionamento, estrutura de pânico e incêndio e melhoria de transito nas proximidades", ressalta.

De acordo com o secretário, em quinze dias, os ajuste finais da obra serão viabilizados.

"É necessário que os que assinaram os contratos, comecem a participar das operações. Nós estamos colocando a passarela, vendo a questão de fiação e hidráulica para se adequar ao momento de abertura à comunidade", diz.

A entrega acontecerá por ordem de chegada e todos precisam estar munidos de documento original com foto e somente o cadastrado ou representante por procuração autenticada poderá receber a chave.

"Para o ambulante que ainda não assinou o contrato, nós estaremos também com atendimento na obra independente do setor. Na entrega terá prioridade também os idosos e gestantes", afirma.

De acordo com o cronograma, no dia 15, das 8h às 16h, será realizada a entrega das chaves para os setores de confecções, calçados, acessórios para vestuário/bolsas/óculos, relojoeiro, ourives, salão, estética/ cosméticos/perfumaria, suplemento e produtos naturais. Já no dia 17, também das 8h às 16h, será a vez de entrega das chaves dos boxes para os setores de gráfica/revistas/fotos/serviços, cama, mesa e banho, utilidades domésticas, bordados, variedades, produtos químicos, embalagens, arranjos de flores, ursos etc. No dia 18, no mesmo horário, os setores de chaveiro, eletro/eletrônicos e importados, acessórios para celulares e DVD, assistência técnica (eletr., comp., cel. e/ou TV) e alimentação.

Com as chaves em mãos, os comerciantes terão um mês para a adequação de suas lojas, com layout, testeiras, provador, bancada, display e mobiliário.

"É um projeto da cidade, que veio para nos dar as condições de termos na cidade uma grande opção de compras com 1800 ambulantes com barracas, garantindo a Feira um dos maiores equipamentos no norte e nordeste do país", destaca.

Borges Júnior ressalta ainda a preocupação e cuidado com a segurança no local, que é um dos que apresentam maior ocorrência de reclamação sobre o assunto.  

"Será colocado lá um comando da polícia, já foi definido o local, já estamos fazendo algumas adequações", diz. 


Confira a entrevista completa: 

Compartilhe

Deixe seu comentário