Pacote econômico deve liberar até R$ 7 bilhões para emendas de bancadas parlamentares

Um dos objetivos da medida é facilitar aprovação do pacote no Congresso, já que liberação de recursos é uma das principais demandas negociadas com o Executivo

Foto : Marcelo Camargo/ Agência Brasil

O conjunto de medidas econômicas entregue pelo governo Bolsonaro ao Senado Federal estabelece que emendas parlamentares sejam o destino de um quarto da economia obtida em dois anos de cortes emergenciais.

De acordo com a Folha, o valor é estimado em R$ 7 bilhões. Um dos objetivos da medida é facilitar a aprovação do pacote no Congresso, já que a liberação de recursos é uma das principais demandas em negociações com o Executivo.

Emendas são recursos do Orçamento executadas por parlamentares e bancadas e destinadas a projetos em suas bases eleitorais. Neste caso previsto no texto, as verbas serão alocadas em emendas de bancada, e não individualmente para um deputado ou senador.

Para a equipe econômica, os grupos de parlamentares que formam as bancadas do estados teriam maior capacidade de definir as necessidades de projetos em cada uma das regiões do país.


Informações Metro1

Compartilhe

Deixe seu comentário