Funcionários do Louvre consideram fechar o museu pela segunda vez nesta semana

Foto: Reprodução / Booking

Funcionários do Museu do Louvre, em Paris, estão considerando fechar o local mais uma vez nesta semana devido ao grande fluxo turístico no museu. 


De acordo com informações da Associated Press, representantes sindicais informaram à agência nesta terça-feira (28), que o trabalho de remodelação da obra-prima de Leonardo da Vince, Monalisa, gerou problemas organizacionais e filas enormes.  Nesta segunda-feira (27), o museu ficou fechado.  Pierre Zinenberg, que trabalha no Louvre, disse que o número de funcionários tem diminuído na última década, ao mesmo tempo em que o número de visitantes aumentou em 20%. 


Segundo a agência, os funcionários irão realizar uma assembleia nesta quarta-feira (29), para decidir se abrirão as portas do museu. "O Louvre está ficando asfixiado" e "o pessoal constata uma degradação sem precedentes das condições de visita e de trabalho", denunciou em um comunicado o sindicato Sud Culture Solidaires. 
 

"Em 2018, a visitação do Louvre superou 10,2 milhões de pessoas. Enquanto o público aumentou mais de 20% desde 2009, o palácio não se ampliou, e o quadro de funcionários não para de diminuir", disse o sindicato.


Informações Bahia Notícias 

Compartilhe

Deixe seu comentário