Membro do Rotery Club convida população para ações de saúde e serviços pessoais no domingo (21)

A partir das 8h da manhã a comunidade será recebida na sede API, Av. Maria Quitéria

Laís Sousa

No próximo domingo (21), os moradores de Feira de Santana, em especial dos bairros Queimadinha, São João e adjacências, terão a disposição uma série de serviços nas áreas de saúde e cuidados pessoais. É a 10ª edição da Ação Rotária, promovida pelo Rotery Club em parceria com a Associação de Proteção à Infância (API).

De 8h às 12h da manhã, na sede da API localizada na Av. Maria Quitéria, voluntários atenderão gratuitamente a população em atendimentos psicológicos, médicos e odontológicos, com oficina de escovação e higiene bucal, além da distribuição de remédios. Será realizada ainda a oficina de estética e alguns exames rápidos como teste de glicemia. A ocasião será assegurada com a presença do Exército e contará com vacinação por conta da Prefeitura Municipal.

No programa Bom Dia Feira desta sexta (19), o farmacêutico Fernando Figueiredo explicou na ocasião cada roteriano colabora como pode. “Na ação rotária a gente tem um companheiro com 82 que participa na recepção, o juiz do futebol para crianças é roteriano. Alguns colaboram com em questões de saúde como farmacêuticos, médicos, odontólogos que são a mão de obra na iniciativa, compartilhando voluntariamente parte do tempo e do conhecimento para amenizar os problemas enfrentados pela população”, conta.

Segundo Fernando, o Rotery é uma das maiores organizações filantrópicas do mundo e começou como uma reunião de amigos empresários, que logo depois entenderam que a instituição não deveria se tratar apenas de uma iniciativa para lazer, podendo trazer algum benefício para sociedade. A partir daí o Club se desenvolveu e atualmente conta com mais de 70 companheiros que, de alguma forma, realizam alguma ação beneficente na região.

“A parte que nos deixa mais feliz é quando vemos o sorriso da criança, quando a gente vê uma pessoa que foi contemplada por uma atividade da nossa ação, isso realmente não tem preço”, comenta sobre a satisfação das edições anteriores. Nesta, o mutirão prevê recepção de cerca de 400 criança, 600 pessoas ao total.


Compartilhe

Deixe seu comentário