Intervenção no Beco da Energia amplia possibilidades de integração de artes

Artista plástico Jorge Galeano e poeta Clarissa Macedo compareceram ao local neste domingo

A intervenção artística no Beco da Energia teve prosseguimento neste domingo (26), em Feira de Santana. A ação, organizada pelo pulverógrafo, tatuador e músico Márcio Punk, que tem recebido a colaboração de vários artistas da cidade, contou com a participação do veterano das artes Jorge Galeano.

Galeano disse se sentir lisonjeado pela oportunidade de participar da intervenção. “Como um dos artistas mais veteranos em atividade aqui em Feira, me senti muito satisfeito com o convite
. É uma área que pode ser transformada em espaço cultural. Até por que carecemos de ambientes públicos com esse perfil”, pontuou.

Foi o quarto domingo consecutivo de atividades artísticas no Beco,
considerando o desfile do Bando Anunciador. O espaço, localizado entre as ruas Marechal Deodoro e Conselheiro Franco, é um dos pontos mais conhecidos do centro comercial feirense, e até então se encontrava sem a mínima assistência do poder público.

A primeira etapa da intervenção urbana ocorreu em 4 de julho e desde então a maior parte dos imovéis já recebeu cores, traços e vida pelas mãos de figuras com atuação constante nas artes visuais em Feira, como Kbça Grafiti, Charles Mendes, Ivan Coelho, Don Guto, Gabriel Ferreira, Caíque Oliveira e Magrelo Grafitti, entre outros. T
ambém foram instaladas lixeiras e recolocadas lâmpadas nos postes no Beco.

Lançamento de livro

Depois da apresentação musical do grupo feirense Roça Sound, ocorrida no dia do cortejo do Bando Anunciador, ações com a participação de artistas de outras linguagens estão sendo articuladas.

A poeta Clarissa Macedo,
vencedora do Prêmio Nacional Academia de Letras da Bahia de Literatura – Poesia 2013, com o livro “Na Pata Do Cavalo Há Sete Abismos”, compareceu ao Beco neste domingo e anunciou o lançamento da obra no espaço.

O artista visual Chacal também informou que nos próximos dias vai instalar insetos de aço produzidos por ele.

Elsimar Pondé 

Compartilhe

Deixe seu comentário