Dia dos Namorados: Comércio funciona até às 19h

Conheça a origem do Dia dos Namorados no Brasil e confira o horário especial do comércio para hoje e festas juninas.

Foto: Joaquim Neto

O Dia dos Namorados é uma data muito importante para os apaixonados, afinal, um dia no calendário para celebrar o amor torna tudo ainda mais especial. Sejam namorados, noivos ou casados, esse dia é feito para celebrar a união em todas as suas formas. Sabendo disso, a reportagem do Bom Dia Feira percorreu os quatro cantos da cidade para saber quem gasta mais nesse dia, o homem ou a mulher?

André é namorado da Bárbara e revela fazer os gostos da sua companheira nesta importante data. “Se eu gostar de alguma coisa que eu possa dar para ela, irei dar. Fica a critério dela”. Já a Bárbara, é mais controlada nos gastos. “Ele é muito especial, mas eu sou mais mão fechada um pouquinho”, brincou a jovem.

Para o dia de hoje (12), o os sindicatos do Comércio e dos Empregados de Feira de Santana firmaram um acordo com a Prefeitura para que o centro da cidade funcione em horário especial. As lojas estarão abertas até às 19h. Os consumidores estão bastante divididos em relação às compras, mas o setor de vestuário lidera as opiniões de vendas por parte dos casais. Para os mais românticos, um jantar completa a lista de desejos na comemoração deste Dia.

Qual é a origem do Dia dos Namorados no Brasil?

O motivo é exclusivamente comercial. A ideia de estabelecer a comemoração veio do publicitário João Doria, pai do ex-prefeito de São Paulo João Doria Jr. Dono da agência Standart Propaganda, ele foi contratado pela loja Exposição Clipper com o objetivo de melhorar o resultado das vendas em junho, que sempre eram muito fracas.

Junho foi escolhido porque era justamente o mês de desaquecimento das vendas. O dia 12 foi escolhido por ser véspera da celebração de Santo Antônio, que já era famoso no Brasil por ser o santo casamenteiro.

Confira o horário especial do comércio para o Dia dos Namorados e festas juninas

III – dias: 11 a 15 de junho de 2018 (segunda à sexta-feira), das 08h até às 19 horas;

IV – dia: 16 de junho de 2018 (sábado), das 08h até às 15 horas;

V – dia: 17 de junho de 2018 (domingo), das 09h até às 14 horas;

VI – dias: 18 a 21 de junho de 2018 (segunda à quinta-feira), das 08h até às 20 horas;

VII – dia: 22 de junho de 2018 (sexta-feira), das 12h até às 21 horas;

VIII – dia: 23 de junho de 2018 (sábado), das 08h até às 15 horas

Informações do repórter Joaquim Neto

 

Compartilhe

Deixe seu comentário